“Meus amigos me incentivam a não desistir”

Cantor, compositor, ator, publicitário, sonhador, realista, humilde… muita classificação para um jovem com muitos sonhos e objetivos de vida bastante claros. A entrevista dessa semana é com o jovem Vander Carneiro, que muito em breve, o Brasil vai abraçá-lo como sempre fez com grandes artistas.

vander louco

Vander Carneiro

1- Qual o seu método para compor uma letra de música?

 Na verdade não tenho ao certo, um método (risos). Isso nasce com a pessoa, o dom de criar o ritmo e a letra, escrever, ser criativo. No meu caso apareceu desde pequeno, que com 11 anos já começou a aparecer algumas ideias, mas que não foram levadas a sério, até então, quando fiz 17 anos eu percebi que isso era de mim mesmo, diante do que me acontecia, surgiam versos que se transformavam em refrões e então resolvi anotá-los. Não tinha como gravar nesse tempo, até eu comprar um computador em 2006. Já tinha 20 anos por aí, através de um programinha gravava o que fazia, mas não sabia onde fazer os registros. Quando conheci um amigão que também compõe e me ajudou. Hoje tenho mais de 40 canções em registro, com parcerias e fora as que estão chegando por aí!

 2- Muitos compositores reclamam que não são bem remunerados pelas suas canções nas vozes de grandes artistas da música. O que pensa sobre o assunto?

 O que acontece é a falha que ainda existe dos direitos autorais, até pouco tempo o Ecad, não recebia de uma determinada emissora de grande visibilidade esses direitos e nisso os compositores viviam nessa situação, pois o cantor que ganha fazendo diversos shows, colocam a música no repertório e o compositor que fez a arte, ganha nada e se chegar a ganhar, só as migalhas.

 3- Como cantor, como foi a sua experiência?

 Bom, já cantei em uma bandinha de forró, onde foi bastante incrível, foi a minha primeira vez nos palcos, infelizmente o grupo se desfez situação financeira, mas isso não me faz desistir desse sonho. Estou estudando um pouco de música para me aperfeiçoar, pois bem, estudar é o melhor que se faz, não é? Estou procurando outra banda e breve montarei um projeto, mais a frente.

 4- Você é formado em Publicidade e Propaganda, atua na área no momento?

 Infelizmente não, mas a frente eu ainda consigo. Bom, o que gostaria mesmo é de atuar em TV, recebi uma proposta de fazer locução em uma emissora de rádio local e aceitei esse desafio. O engraçado que recebi esse convite após ter pedido o microfone em um evento para fazer uma brincadeirinha de animador de palco, onde um dos produtores gostou e me perguntou se eu tinha interesse em participar da sua rádio, na mesma hora aceitei (risos), lembro que já me joguei de locutor de um programa em rádio web, já fiz participação de um programinha de rádio comunitário e então, será mole. (risos)

 5- Conte um pouco da sua experiência com o teatro?

 Resolvi fazer teatro para me soltar, mais um pouquinho (risos), o teatro trabalha toda a sua inibição o que é preciso para um artista ser completo e ainda assim, sempre tive vontade de atuar, então resolvi encarar esse desafio, fiz alguns meses que foi bastante gratificante e pretendo continuar. Gosto de humor ainda penso em fazer stand-up, mais a frente.

 6- Você é bem atuante nas redes sociais. Qual a importância dessas novas mídias para potencializar na divulgação das suas músicas?

As redes sociais pra quem sabe usar é uma ferramenta incrível, para fazer amigos, para conseguir network e o melhor ela pode lhe tornar popular, foi ela quem me fez, desde o tempo das comunidades do Orkut, Chat-MSN, tinha uns 3 grupos de chat que tinha uma quantidade considerável 400 e poucas cabeças (risos) pessoas, onde foi se criando amizade e se criou um grupo de festas nomeado “Galera da Bagaça” junto com uma parceira Milly, bom você não conhece (risos). Hoje em dia Facebook, Twitter, Youtube, onde tenho alguns vídeos e o Instagram, tenho alguns amigos em diversos estados que admiram minha pessoa, algumas cheguei até à conhecer e acredito que um dia ainda vou mais além.

 7- Recebe algum apoio da família, incentivando em sua carreira artística?

 Não precisamente, eles não acreditam nessas coisas, acham que isso é bem complicado. Consigo mais de amigos que vivem me incentivando, para que eu não desista, pois sabem o quanto é difícil.

 8- Quem são seus ídolos na música?

 Não tenho ídolo específico, tenho admiração por alguns cantores e que me inspiram. Procuro pegar um pouquinho de cada, para somar com as minhas ideias, entre eles os forrozeiros Wesley Safadão, Xandy Avião, Gabriel Diniz, os sertanejos Jorge e Mateus, Gustavo Lima, Cristiano Araújo, Luan Santana e o axezeiro Tomate. Parece loucura, mas, entre esses nomes existem perfis diferenciados que me traz grande incentivo, não só pela voz, mas pela desenvoltura em palco.

 9- Conte um pouco a história das suas novas composições e como pretende transformá-las quem sabe em grandes sucessos?

 Minhas canções na maioria foram vividas, não só por mim, mas por amigos ou acontecido, situações próximas.  Pretendo gravar um cd em breve só autoral e com isso arriscar em um clipe web, mas para isso preciso de uma verbinha (risos). Estou agora tentando montar um projeto, banda de forró, que com fé em Deus vai dar tudo certo.

Em primeira mão, a letra da música “Quando a gente se amar”, composição de Vander Carneiro e Wolney César

Toda vez que penso em você

Me da vontade de ligar

Vou correndo lá na sala

Pegar o meu celular

Quero saber onde você está?

Se está perto, ou bem longe

Eu vou te encontrar

Se está no trabalho, eu não vou perturbar

Me dê um toque na saída

Que eu vou retornar

 

[refrão] A gente vai sair, matar a saudade

Realizar minha vontade de poder te amar

A gente vai sair

Para um barzinho, ou pra qualquer lugar

A minha noite só acaba quando agente se amar

Se amar, se amar, se amar, se amar

Só acaba quando agente se amar.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s