Rodrigo Mathias: ‘Tudo precisa ter uma lógica’

A novela é ‘Pega Pega’, o texto de Claudia Souto, o personagem é Murilo e duas últimas informações: a entrevista é exclusiva e o entrevistado é o ator Rodrigo Mathias.

Sonho, persistência e estudo. Ingredientes que Rodrigo conhece muito bem. Não necessariamente usado para ter um vida profissional perfeita, mas, sim,  para luta cotidiana ter algum sentido.

rodrigo35642_pp

Rodrigo Mathias. Foto: Nana Moraes

CJMartim: A vida parece não ter uma lógica aparente. O ator precisa encontrar uma lógica quando interpreta?

Rodrigo: Sim, para o ator interpretar, ele precisa encontra essa lógica do personagem, seu objetivo, de onde vem e para onde vai, o ator precisa captar mais informações possíveis sobre ele, todos nós precisamos encontra essa lógica, e saber qual o nosso real dever e lugar dentro de uma sociedade. Não seria diferente quando se trata de interpretação, tudo precisa ter uma lógica, seja ela qual for. 

CJMartim: ‘Pega Pega’ vem sendo um grande sucesso, mas a mídia especializada duvidava da força da trama. Como justifica esses bons resultados?

Rodrigo: Eu sou suspeito em falar (risos), porque amo demais essa trama, estou muito contente em fazer parte dessa equipe maravilhosa que, pra mim, foi um presente dos céus. Queria aproveitar e agradecer a autora da novela, Claudia Souto, que me deu essa oportunidade incrível. Já respondendo a pergunta, eu acredito que, quando o trabalho é feito por profissionais competentes, quando há entrega, dedicação, amor, alegria, tudo isso… acredito que  seja a receita para bons resultados, é como o escritor Caio Fernando Abreu diz :“Fazendo certo ou errado, sempre  irão  criticar, e a dúvida,  até que  prove ao contrário ela sempre existirá”. Estamos felizes demais com bons resultados, eu só escuto falar coisas boas sobre a novela, sobre a direção e os personagens, então, é só alegria.

CJMartim: Consegue descrever o dia que soube que estaria no elenco da trama?

Rodrigo: Eu estava super ansioso para saber o resultado, esperei quase 3 meses, mas me lembro que estava em casa, era uma terça-feira à tarde, meu telefone tocou, era o produtor da novela me ligando para me dar a notícia, eu queria gritar, explodir de felicidade, lembro que assim que desliguei o celular… eu chorava igual uma criança (risos), já liguei pra minha mãe na mesma hora, e disse: “Mãe, agora é pra valer, acabaram de me ligar da Globo!”. Foi um momento único e especial.

CJMartim: A fama é uma serpente silenciosa? O veneno pode ser letal dela?

Rodrigo: Eu acredito e não! Existem vários tipos de fama: a instantânea, a momentânea e a duradoura, cabe a nós saber com lidar com essa exposição, se não soubemos lidar com isso, aí sim pode ser perigosa, mas tenho muito o pé no chão em relação a isso, gosto do que é simples e, com um passo de cada vez, vou trilhando meu caminho, na paz e na humilde sempre!

CJMartim: Quem cuida e respeita as angústias de um ator?

Rodrigo: Essa pergunta foi a mais difícil de responder (risos), nem sempre as pessoas valorizam essa profissão, muitos não levam a gente a sério até que a gente faça uma novela ou quando estamos no ar, aí já muda um pouco. Em relação às angústias, nós, atores, pelo menos eu, procuro sempre fazer o que me deixa feliz, procuro renovar minhas energias, procuro dormir bem, a me alimentar bem, e o principal que é separar o real do ilusório, me alimentando de coisas boas, um bom livro, um filme, um bom papo pro ar, uma pausa no meio do dia, e fazer reflexão sobre tudo que acontece, acho que esse é um bom caminho para curar as angustias.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s