Paulo Halm: ‘NOTEI CRESCIMENTO E AMADURECIMENTO ARTÍSTICO DA GRAZI’

Paulo Halm: um dos autores da novela ‘Bom Sucesso’. Foto: Reprodução.

Acabou a loucura de ‘Verão 90’ e entra hoje ‘Bom Sucesso’, novela dos autores Rosane Svartman e Paulo Halm.

Viajando sem pressa pelo passado, você deve se lembrar que ambos escreveram ‘Totalmente Demais’, novela que tinha o Fábio Assunção e à Marina Ruy Barbosa entre seus destaques.

Escolhi Paulo Halm para contar um pouco sobre suas expectativas em relação a trama e o porquê de apostar em Grazi Massafera como protagonista.

CJMartim: À Grazi foi reconhecida como atriz pela crítica na novela ‘Verdades Secretas’. O desempenho dela nessa trama pesou para ser a protagonista de ‘Bom Sucesso’ ?

Paulo Halm: A gente acompanha a carreira da Grazi com atenção e interesse. E notamos o seu crescimento e amadurecimento artístico. Com certeza, sua atuação em Verdades Secretas foi marcante, tanto que foi merecidamente indicada ao Emmy Internacional como melhor atriz. Mas ela também se destacou em ‘A Lei do Amor’, fazendo um personagem cômico, completamente diverso do que tinha feito anteriormente, e também em ‘O Outro Lado do Paraíso’. Achamos que a Grazi é hoje uma das grandes atrizes da TV brasileira. E estamos muito felizes e orgulhosos por tê-la como nossa protagonista. Fomos a ensaios, leituras e já vimos muitas cenas gravadas e acreditamos que ela vai arrasar!

CJMartim: Muitos criticam que as novelas atualmente tem boas histórias, mas elas acabam não apresentando fôlego até nove meses de trama.’Bom Sucesso’ corre esse risco?

Paulo Halm: Seis meses, você quer dizer, né? As novelas atuais duram seis meses no ar. Se bem que nós já estamos trabalhando há quase um ano, escrevendo. Olha, essa sua pergunta é impossível de responder. Obviamente, nos acreditamos na nossa trama, na força dos nossos personagens, nos seus objetivos e transformações. Mas a novela é uma obra aberta, que sofre influencias diversas e diárias, sem que tenhamos o controle total sobre sua condução. E os fatores podem ser os mais diversos possíveis, independente do nosso esforço e cuidado. O risco existe, sempre.

CJMartim: A pressão por audiência existe e excita o autor a buscar melhores resultados ou consegue ignorar isso?

Paulo Halm: Sim, existe, claro. Nosso esforço e cuidado é buscar uma boa audiência sem abrir mão da qualidade que achamos indispensável para a realização de qualquer trabalho artístico. Mas como falei, trata-se de uma novela aberta, e nós acabamos tendo um co autor genérico, amplo e geralmente com boas idéias, chamado público. Nós respeitamos o público.

CJMartim: Se ‘Bom Sucesso’ não for um sucesso, é justo culpar somente os autores pela baixa audiência? Qual é a parcela de culpa dos atores nisso também? Se for sucesso, a busca pelo “nome” da novela, que fez toda diferença na trama, é cruel mencionar?

Paulo Halm: A novela nem estreou e você já me pergunta se não será um sucesso? E quem é o culpado. Risos.Que horror! Não pensamos nessa questão. Estamos – e quando falo no plural, estou incluindo a direção, o elenco, a produção, todos os setores que participam da construção de uma novela – fazendo um esforço coletivo para fazer um bom trabalho, emocionante, divertido.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s