“Não me acho bonito, apenas comum”

Diego Prado, mister Goiás 2016, concorre ao Mister Brasil, neste mês, em Jurerê Internacional, localizado em Santa Catarina. Além de professor de educação física, especialista em treinamento com pesos, e modelo.

Exercícios físicos exigem disciplina, atenção e foco. Não admite desistências, mas recompensa com bem estar. O esporte não tem dificuldade em conhecer pessoas com comprometimento, já que o encontro com o Diego foi cedo, intenso e benéfico.

13335452_1029215483825497_1962631572_n
Diego Prado. Foto: João Valentino/ Divulgação.

Cj Martim: Você é muito voltado para o esporte, afinal de contas, virou professor de educação física. Não acredita que muitos profissionais ligados a área, passam uma imagem que com o esporte, o indivíduo se torna imune de doenças, algo que não é verdade? Continue Lendo ““Não me acho bonito, apenas comum””

“Eu me emociono fácil”

Ramon Pissaia é mister Paraná 2016, modelo, formado em engenharia elétrica e dono de uma clínica de nutrição esportiva. Neste mês, concorre ao concurso Mister Brasil”, evento que beleza e conteúdo precisam andar de mãos dadas.

O jovem mister, nesta entrevista, revela que gosta do meio artístico e não fica triste com críticas estereotipadas ao seu respeito. Em tempos que pessoas sensíveis andam escassas e perdidas consigo mesmo, Ramon surge neste seleto grupo de indivíduos, para provar que a sua sensibilidade é sim digna de vencer um concurso de beleza. Por que não?

image2
Ramon Pissaia. Sensibilidade nata. Foto: Divulgação.

Cj Martim: Beleza é relativa, então, é valido participar de um concurso que decide o homem mais bonito do país? Continue Lendo ““Eu me emociono fácil””